Atletas do Clube de Orientação do Centro (COC) em destaque no 16º. Campeonato Ibérico de Orientação Pedestre

No passado fim-de-semana (06 e 07 de Dezembro de 2008), decorreu o 16º. Campeonato Ibérico de Orientação Pedestre, um evento organizado, ano após ano, alternadamente, entre Portugal e Espanha e que na edição deste ano decorreu na região de Idanha-a-Nova, sob a organização do ADFA (Associação de Deficientes das Forças Armadas) e supervisão da Federação Portuguesa de Orientação e da International Orienteering Federation.

Sendo, prioritariamente, um evento que opõe as Selecções Portuguesa e Espanhola de Orientação Pedestre, o Campeonato Ibérico, que é também aberto a atletas extra-selecção (dos escalões de competição, de iniciação e abertos), foi ainda pontuável, em simultâneo, para a Liga da Federação Espanhola de Orientação e para a Taça de Portugal de Orientação Pedestre.

Para as selecções, o evento foi constituído por três etapas, com duas a decorrer no sábado (Distância Média, de manhã, e Sprint Urbano à tarde) e uma no domingo, enquanto para os restantes atletas o evento constou apenas das provas de Distância Média (no sábado) e de Distância Longa (no domingo).

A prova de Distância Média, realizada no mapa de Idanha-a-Nova Oeste, num terreno exigente tecnicamente, com bastantes detalhes rochosos e também algum declive, teve a dificultá-la a visibilidade reduzida que se fez sentir devido ao forte nevoeiro que se instalou naquela região.

A prova de Sprint Urbano decorreu na vila de Idanha-a-Nova, tendo apresentado algum declive, assim como algumas dificuldades técnicas, em particular na parte mais antiga da vila.

A prova de Distância Longa decorreu no mapa de Oledo (7 Km a Noroeste de Idanha-a-Nova), numa área com declive ligeiro a médio, com muitos muros e vedações, assim como alguns detalhes rochosos e vegetação rasteira. Para complicar a vida aos atletas, ao nevoeiro juntaram-se a chuva e o vento que se foram agravando com o decorrer da prova.

Na Selecção Nacional, composta por 28 atletas, o COC fez-se representar com 8 atletas (Andreia Silva e Catarina Ruivo em Juniores Fem., Tiago Romão em Juniores Masc., Patrícia Casalinho em Seniores Fem., Celso Moiteiro em Seniores Masc., Anabela Vieito em Veteranos Fem. I, Joaquim Sousa em Veteranos Masc. I e Luísa Mateus em Veteranos Fem. II), sendo de assinalar os 6 títulos de Campeão Ibérico obtidos, metade dos quais foram obtidos por Joaquim Sousa, na sua estreia neste escalão em provas da selecção, que se sagrou campeão em todas as provas disputadas (para além de Joaquim Sousa, dos atletas da Selecção Nacional, só outra atleta conseguiu fazer o pleno: Isabel Sá, do GD4C, em Juvenis Fem.). Dos restantes, dois títulos de Campeã Ibérica foram obtidos por Luísa Mateus e um por Anabela Vieito. Há ainda a realçar 4 títulos de Vice-Campeão conseguidos por atletas do COC ao serviço da Selecção Nacional. Em seguida, apresenta-se o quadro de resultados dos atletas do COC nas 3 provas:

Prova de Distância Média – Selecções

Joaquim Sousa: Campeão Ibérico em Vet Masc I

Catarina Ruivo: Vice-Campeã Ibérica em Jun Fem

Prova de Sprint Urbano – Selecções

Joaquim Sousa: Campeão Ibérico em Vet Masc I

Luísa Mateus: Campeã Ibérica em Vet Fem II

Andreia Silva: Vice-Campeã Ibérica em Jun Fem

Tiago Romão: Vice-Campeão Ibérico em Jun Masc

Catarina Ruivo: 3º. lugar em Jun Fem

Anabela Vieito: 3º. lugar em Vet Fem I

Prova de Distância Longa – Selecções

Anabela Vieito: Campeã Ibérica em Vet Fem I

Joaquim Sousa: Campeão Ibérico em Vet Masc I

Luísa Mateus: Campeã Ibérica em Vet Fem II

Andreia Silva: Vice-Campeã Ibérica em Jun Fem

Catarina Ruivo: 3º. lugar em Jun Fem

Num evento que contou com um total de 860 atletas (incluindo as Selecções de Portugal e Espanha) inscritos nos dois dias, o COC apresentou-se neste evento com uma delegação composta por 61 atletas, mas desfalcado dos seus 8 atletas que representaram a Selecção Nacional, o que acabou por resultar num 3º. lugar em termos de resultado colectivo (em 111 Equipas), logo atrás do CPOC (Clube Português de Orientação e Corrida), clube vencedor por Equipas, e do GD4C (Grupo Desportivo 4 Caminhos), clube classificado em 2º. lugar.

No conjunto dos 2 eventos pontuáveis para o ranking da Taça de Portugal de Orientação Pedestre, há ainda a destacar os seguintes resultados individuais de atletas do COC:

1ºs. Lugares

Inês Domingues (Damas 15)

Isabel Monteiro (Damas 50)

Albano João (Homens 50)

2º. Lugar

Diana Silva (Damas 13)

Susana Domingos (Veteranos Fem. B)

Luís Tenreiro (Homens 40)

Rui Antunes (Homens 50)

3ºs. Lugares

Tiago Brito (Jovens Masc. B)

Mário Santos (Homens 45)

Fotografias dos “nossos” Campeões Ibéricos

Joaquim Sousa

Campeão Ibérico de Sprint, Distância Média e Distância Longa em Veteranos Masc. I

(fotografia de Joaquim Margarido)

Luísa Mateus

Campeã Ibérica de Sprint e Distância Longa em Veteranos Fem. II

(fotografia de Jorge Dias)

Anabela Vieito

Campeã Ibérica de Distância Longa em Veteranos Fem. I

(fotografia de Jorge Dias)

Artigo por Mário Santos

2 Respostas

  1. rui antunes Says:

    muito bom o artigo.Bastante completo.Parabéns

  2. rui antunes Says:

    Muito bom mesmo.Parabéns

Deixe um comentário

Nota: A moderação de comentários está activa, o que vai atrasar a sua publicação. Não há necessidade de re-enviar o seu comentário.